Materno-Infantil de Barcarena alcança o milésimo nascimento em menos de 1 ano de gestão

Neste sábado (31), o pequeno Lucas Gonçalves, filho da Josilene Pantoja Gonçalvez, 26 anos, nasceu às 13h20, após 38 semanas de gestação, e se tornou o milésimo bebê do Materno-Infantil de Barcarena Dra. Anna Turan (HMIB), gerido pela Pró-Saúde Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar, sob contrato de gestão com a Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa).
Lucas veio ao mundo pesando 2,35kg, com 45cm, e em parto normal. A mãe, moradora de Moju, município que fica a oeste do Estado do Pará, a 57 km de Barcarena, relata que começou a sentir fortes dores e contrações pela madrugada do último sábado e teve que ser encaminhada ao HMIB pela manhã.
A equipe profissional do Centro de Referência da Mulher, em Moju, solicitou a transferência da mãe para o HMIB, pelo fato da unidade ser referência na Região do Baixo Tocantins. Na unidade, Josilene foi atendida pela equipe assistencial que estava de plantão na unidade. Emocionada e com o bebê nos braços, ela descreve a alegria pelo primeiro filho.
“Eu e minha família estávamos muito ansiosos. Quando chegamos na unidade, eu senti um alívio, pois fui muito bem recebida, a equipe me proporcionou todo apoio. Meu filho foi muito esperado, eu escolhi o nome dele desde o terceiro mês de gravidez, então, quando ele nasceu, eu fiquei muito alegre, e minha irmã, que está me acompanhando, também, minha família soube por telefone e vibraram. Graças a Deus ele nasceu saudável e precisa apenas de alguns cuidados. Estamos felizes”, relata.
O pequeno Lucas está sendo acompanhado pela equipe de enfermagem, pois nasceu algumas semanas antes do previsto. A equipe monitora o quadro clínico do pequeno, assim como médicos intensivistas da Unidade de Cuidados Intermediários (UCI Neonatal). Ele receberá um certificado em reconhecimento a esse marco importante à unidade.
“O nascimento do bebê de número 1000 representa a materialização de um trabalho em equipe, em poder ofertar um serviço humanizado e de qualidade à população. Mais ainda, de participar da vida dessas pessoas, nesse momento ímpar que é o nascimento, e poder contribuir em uma assistência segura e de continuidade, tendo em vista que temos suporte de média e alta complexidades, onde o recém-nascido receberá todos os cuidados”, afirma o coordenador de Enfermagem, Geovanny Magalhães.
O diretor Hospitalar do HMIB, Fábio Machado, ressalta a importância da unidade em Barcarena, principalmente, por ser referência na Região do Baixo Tocantins, atendendo 11 municípios com serviço de qualidade. “Em onze meses de atendimento à população da região, alcançamos essa marca histórica para o nosso hospital, com o nascimento do milésimo bebê. Mais que uma celebração à vida, é a garantia que estamos cumprindo nossa missão de oferecer soluções na área da saúde, visando pela excelência assistencial e integridade”, finaliza.

**Sobre o Materno Infantil de Barcarena**
Inaugurado no dia 21 de setembro de 2018, o Hospital Materno-Infantil de Barcarena Dra. Anna Turan está localizado na cidade de Barcarena, no Pará, 114 km distante da capital Belém. Mantida pelo Governo do Estado do Pará e gerenciada pela Pró-Saúde Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar. É uma unidade hospitalar pública que atende média e alta complexidades.
O público alvo são mulheres gestantes e recém-nascidos. Sua abrangência inclui 11 municípios do Baixo Tocantins: Abaetetuba, Barcarena, Igarapé-Miri, Moju, Baião, Cametá, Limoeiro do Ajuru, Mocajuba, Acará, Ponta de Pedras e Oeiras do Pará.

**Sobre a Pró-Saúde**
A Pró-Saúde é uma entidade filantrópica que realiza a gestão de serviços de saúde e administração hospitalar há mais de 50 anos. Seu trabalho de inteligência visa a promoção da qualidade, humanização e sustentabilidade. Com 16 mil colaboradores e mais de 1 milhão de pacientes atendidos por mês, é uma das maiores do mercado em que atua no Brasil. Atualmente realiza a gestão de unidades de saúde presentes em 23 cidades de 11 Estados brasileiros — a maioria no âmbito do SUS (Sistema Único de Saúde). Atua amparada por seus princípios organizacionais, governança corporativa, política de integridade e valores cristãos.
A criação da Pró-Saúde fez parte de um movimento que estava à frente de seu tempo: a profissionalização da ação beneficente na saúde, um passo necessário para a melhoria da qualidade do atendimento aos pacientes que não podiam pagar pelo serviço. O padre Niversindo Antônio Cherubin, defensor da gestão profissional da saúde e também pioneiro na criação de cursos de Administração Hospitalar no País, foi o primeiro presidente da instituição.